4 Aug 2005

A Camisola

Esta história aconteceu a um colega meu no verão passado. Estava ele num bar de uma conhecida figura pública, que posso desde já garantir que não é o Pedro Miguel Ramos, mas que também não vou revelar (porque não fica bem), quando de repente se levantou do sítio onde estava para ir à casa de banho. Deixou uma camisola em cima da cadeira e para seu espanto quando voltou ela tinha fugido. Ficou lixado com a situação, porque a camisola tinha algum valor sentimental, tinha sido oferecida pela sua mulher e supostamente não havia uma igual por cá, porque havia sido comprada em Inglaterra.
Passado um tempo estava ele em casa a ver televisão quando de repente aparece a dita figura pública com a sua camisola. O mais cómico é que este meu colega tem uma altura acima da média e o seu amigo da televisão é baixinho, o que fazia com que a camisola lhe ficasse quase pelos joelhos.
E assim vai o nosso jet-set.

7 comentários:

Rita said...

va, chiba-te lá e diz quem era a figura pública ; )

André Barbosa said...

Mesmo! Confessa :P

JM said...

digo-vos em privado.. ;)

André Barbosa said...

João, mau mau Maria! Não gosto da ideia de um ménage a trois! :P

Cristina said...

Também fiquei curiosa. Contas ao Mauro e ele diz-me quem é... ;)

Capuchinho Vermelho said...

Era o Herman? :-)

James said...

Aposto q era o Gustavo ;)